top of page

A Linguagem Corporal dos líderes: Como as pessoas interpretam a sua linguagem corporal

O cérebro responde automaticamente a sinas não verbais embora não tenhamos consciência do processo. Todos os líderes manifestam empolgação, receptividade, confiança, arrogância, indiferença e incômodo através da postura, expressões faciais, gestos e uso de espaço. O segredo do comunicador não verbal eficaz é perceber que o impacto desses sinais depende mais de como a maioria das pessoas os interpretam do que da mensagem em si. Um estudo clássico e frequentemente deturpado de Albert Mehrabian descobriu que 7% do impacto total de uma mensagem correspondem às palavras, 55% às expressões faciais e linguagem corporal e 38% ao tom de voz. É importante ressaltar que quando falamos em uma língua estrangeira essa regra não se aplica pois é impossível entender 93% da mensagem apenas observando linguagem corporal, já que a interpretação das palavras fica comprometida. O foco da pesquisa de Mehrabian foi somente para a comunicação das emoções de simpatia e aversão. As emoções são muito impactantes na liderança por serem altamente contagiantes. Qualquer emoção intensa manifestada pelo líder, como entusiasmo ou desagrado, estimulará as pessoas próximas a imitarem essa expressão e não é apenas uma reação física: a expressão facial causará o sentimento correspondente e pode melhorar ou piorar o dia de alguém. Para harmonizar a linguagem não verbal, o líder precisa alinhá-la com a verbal.


1 - Procuram sinais negativos - como o cérebro humano detecta mensagens negativas mais facilmente que as positivas, as pessoas ficam atentas a sinais de mau humor ou baixa receptividade.

2 - Não consideram o contexto - é impossível entender a mensagem não verbal sem analisar as circunstâncias e o cenário em que ela ocorre.

3 - Dão significados a gestos.

4 - Desconhecem seu próprio padrão comportamental.

5 - Analisam a situação sem respeitarem uma série de vieses. Se você lidera uma equipe ou sente a necessidade de melhorar a sua comunicação, deixe seu comentário ou entre em contato com a Real.



Lucilene Pereira

Analista de Perfil Comportamental,

Administradora, Pós-Graduada em Psicologia e Criminologia,

Practitioner em Linguagem das Emoções.




Comentários


Post: Blog2_Post
bottom of page